219 347 706 Email Facebook
drones

Governo aprova regulamento que obriga registo e seguro de drones

28 de Julho de 2017 às 09:43

Governo aprova regulamento que obriga registo e seguro de drones

28 de Julho de 2017 às 09:43
Drones

Recentemente, demos a conhecer o projeto de decreto-lei que a ANAC estava a preparar para regulamentação da atividade dos drones.Após presente em conselho de ministros, este regulamento já foi aprovado pelo governo, embora a entrada em vigor não esteja prevista para já.
Com os recentes incidentes entre drones e aviões, disparou um alarme junto do governo e da sociedade civil sobre a necessidade de regular esta atividade. Embora já existisse um regulamento em vigor desde janeiro, a ANAC viu-se assim obrigada a desenvolver um novo projeto de decreto-lei cujo principal objetivo seria a obrigatoriedade do registo do drone, assim como um seguro de responsabilidade civil.De forma a conhecer a opinião dos especialistas da área, este regulamento foi enviado a várias associações e clubes da área para que emitissem a sua opinião. Sem se saber o resultado desta consulta pública, o novo regulamento foi ontem a discussão no conselho de ministros, tendo sido aprovado por unanimidade.Com esta aprovação inicia-se agora um novo período de consulta pública, que se deverá estender pelo mês de agosto, onde se esperam recolher alguns testemunhos dos profissionais da área de forma a que este regulamento seja melhorado.Paralelamente à realização da consulta pública, estará também já em desenvolvimento a nova plataforma para o registo dos drones. Segundo o ministro do planeamento, Pedro Marques, o registo dos drones deverá ser feito junto do vendedor, assim que é feita a compra de um drone, existindo também um processo secundário de registo para quem monta os drones em casa ou os compra online.Foi ainda adiantado pelo ministro que o registo do drone irá ser obrigatório a partir das 250 gramas, embora o seguro de responsabilidade civil será obrigatório apenas a partir das 350 gramas. Será também implementada uma idade mínima de 16 anos para a pilotagem deste tipo de aeronaves, com exceção caso o menor se faça acompanhar por um adulto responsável.Este novo regulamento ainda não será válido por agora, tendo sido avançado pelo ministro que apenas se espera que entre em vigor no último trimestre do ano. Até lá, espera-se agora o resultado da consulta pública para conhecer as sugestões dos profissionais da área e as alterações propostas pelos mesmos.Além disso, este período é também necessário para que as seguradoras se adaptem a esta nova realidade, tendo em conta que apenas duas seguradoras dispõem atualmente de uma oferta deste tipo, com ambas a apresentar cláusulas e valores irrealistas para esta atividade. Resumidamente, atualmente o seguro de um drone pode custar mais que um seguro de um automóvel.Testes de radares de deteção remota de drones vão avançarAlém das novidades apresentadas sobre a legislação, o ministro do planeamento avançou também que durante o mês de agosto se iriam iniciar testes de segurança relativamente à implementação de radares de deteção remota de drones, especialmente em locais sensíveis como os aeroportos.Com estes novos sistemas, o governo espera conseguir aumentar a segurança do tráfego aéreo e diminuir o risco de incidentes entre aviões e drones.source: plpware.sapo.pt

Poderão os drones passar a ser usados em ataques terroristas?

18 de Janeiro de 2017 às 09:21
Drones

Ao longo destes últimos anos, os drones têm vindo a ser utilizados para as mais diversas finalidades, seja para ajudar a salvar vidas ou seguir eventos desportivos, seja no cinema ou até mesmo apenas para diversão. Contudo, e segundo alguns relatos, o grupo terrorista ISIS conseguiu outra finalidade para estes dispositivos.
Drones… a nova arma?Exactamente, o grupo terrorista ISIS está a utilizar quadcopteros como bombardeiros e como veículos de missão única. Esta informação tem vindo a ser avançada pela imprensa curda, dando conta que estes dispositivos têm vindo a ser utilizados para derrubar civis e danificar equipamentos.Ver imagem no Twitter SeguirAlex Mello @AlexMello02Nice shot of the improvised release mechanism ISIL is using to drop grenades from commercial off the shelf UAVs http://rudaw.net/english/middleeast/iraq/110120171 …19: 06 - 11 jan 2017  229229 Retweets  115115 favoritosContudo, e segundo o órgão de imprensa curda Rudaw, as forças iraquianas têm vindo a estar muito atentas a esta situação, tendo mesmo abatido, até ao momento, mais de uma dúzia de drones. Mais do que qualquer outra questão, o que fica no ar é a possibilidade deste grupo terrorista poder utilizar este rápido meio de transporte como arma química!Esta nova abordagem poderá mesmo mudar o rumo de utilização destas máquinas, isto porque, a cada dia que passa, os drones estão mais poderosos, mais autónomos e com uma capacidade de voo que levanta muitas questões aos homens da segurança. Poderemos, em breve, estar num outro nível de terrorismo.source: pplware.sapo.pt

Parrot Disco é um Drone que parece um Avião

12 de Janeiro de 2016 às 09:43
Parrot Drone


A Parrot apresentou em plena CES, que decorreu esta semana em Las Vegas, um drone uqe foge um pouco ao design convencional. Ao contrário de se assemelhar a um helicóptero com quatro hélices, o Parrot Disco tem um design que se assemelha a um avião, com duas asas e um modo de descolagem que não é na vertical, mas sim na diagonal.


Em vez de colocares o drone no chão para que ele descole e dê umas voltas, tens de o lançar ao ar para que apanhe o balanço necessário. O Parrot Disco tem uma hélice na parte de trás e somente um motor, com uma autonomia de 45 minutos e que se carrega em apenas um hora.Este foi de resto um dos drones que ganhou um maior destaque durante a CES. Pesa 700 gramas e pode viajar a uns incríveis 80 km/h, sendo possível controlá-lo através de um tablet ou de um smartphone. Contudo, e para que consigas levar o drone o mais longe possível – até uma distância máxima de dois quilómetros –, terás de usar o telecomando respetivo, que muito provavelmente deverá ser vendido em separado, tal como nos restantes produtos da marca.
A captar tudo o que o Parrot Disco está, na parte frontal, uma câmara de 14 megapíxeis e que filma a uma resolução de 1080p. Giroscópio e acelerómetro são alguns dos sensores disponíveis e que dão ao drone a funcionalidade de uma aterragem automática.Ainda não há qualquer previsão de preço ou de chegada aos mercados.source: shifter.pt