219 347 706 Email Facebook
Tesla

Tesla e AMD desenvolveram processador para veículos autónomos

21 de Setembro de 2017 às 09:30

Tesla e AMD desenvolveram processador para veículos autónomos

21 de Setembro de 2017 às 09:30
Tesla


O mercado dos veículos autónomos está a ganhar forma e cada vez mais começam a existir propostas maduras e prestes a chegar às ruas. Para além de toda a informação que estes veículos necessitam, é ainda importante a presença de um grande poder computacional.Para garantir que tem o melhor processamento para os seus carros, a Tesla deverá estar a desenvolver, em parceria com a AMD, o seu processador dedicado a esta futura realidade.
Ainda não existe qualquer confirmação desta parceria, mas os rumores que a sustentam estão cada vez mais presentes e com mais informação.Do que vem sendo falado, a Tesla terá conseguido aliar-se à AMD para criar o processador que os veículos da empresa de Elon Musk vão usar no futuro, quando forem autónomos.A probabilidade deste rumor foi agora elevada, devido às declarações da CEO da GlobalFoundries, uma spin-off da AMD. Sanjay Jha revelou que a sua empresa está a trabalhar com a Tesla, sem revelar no entanto em que área.Fontes ligadas ao processo adiantaram também que a Tesla já deverá ter recebido as primeiras unidades destes processadores e que terá também iniciado os testes para avaliar o seu desempenho.A ideia da Tesla, ao aliar-se à AMD, é conseguir criar os seus processadores, deixando de depender diretamente de outras empresas e controlando todo o processo de desenvolvimento e até de fabrico.Elon Musk já tinha apontado 2019 como o ano em que a Tesla apresentaria os seus carros autónomos. Tudo parece estar a encaminhar-se para que assim seja, seguindo o mesmo caminho da Waymo, da Intel e também da Nvidia, que está a trabalhar próximo da Toyota, Audi, Volvo e outras marcas.source: pplware.sapo.pt

Tesla Model S prevê acidente na estrada antes de acontecer

29 de Dezembro de 2016 às 09:42
Tesla


Os sensores de um Tesla Model S detectaram a aproximação perigosa de dois carros, na sua frente, e é dado ao condutor o sinal de perigo, antevendo um acidente que ocorre segundos depois.O Autopilot é um sistema avançado nos veículos da Tesla que permite uma condução autónoma e altamente segura, mostrando-se muito eficiente em sítuações críticas.
Está a ser notícia em todo o mundo e mostra a eficiência do sistema Tesla Autopilot. O acidente previsto pelo Tesla aconteceu numa autoestrada na Holanda, perto de Eindhoven. Como poderemos ver no vídeo, o trânsito era intenso mas mesmo assim o radar do veículo, que seguia em modo Autopilot, actuou atempadamente.O veículo, utilizando o seu sofisticado sistema de sensores, que monitoriza permanentemente todo o espaço em volta até vários metros de distância, detectou que os veículos à sua frente estariam em rota de aproximação perigosa e o condutor é alertado para colocar as mãos no volante, assumindo o controlo do veículo, desligando-se o modo de piloto automático. Segundos depois dá-se um acidente feio e que não se sabe que consequências teve.O vídeo foi gravado pelo sistema de câmaras do veículo que havia sido instalado pelo proprietário em cima da consola. Estas imagens foram publicadas no Twitter por Hans Noordsij ontem, terça-feira. SeguirHans Noordsij @HansNoordsijOriginal video, authorisation from the owner. Essential, no one could predict the accident but the radar did and acted by emergency braking.
1.512 Retweets1.481 favoritosConforme pode ser lido e visto nas imagens, o Tesla conduzia a uma distância segura e conseguiu travar a tempo evitando colidir com os outros carros acidentados.source: pplware.sapo.pt